Insônia: alimentos e hábitos para dormir melhor

Ninguém merece passar a noite em claro por não conseguir dormir, não é mesmo? A insônia nos deixa indispostos e afeta o nosso humor. Além disso, uma noite mal dormida torna o dia seguinte uma longa jornada. Se você se identifica com essa situação indesejável, saiba que algumas atitudes podem ajudar. E mais: você sabia que dormir bem ajuda a perder peso?

Por isso, a Unimed Cascavel lista neste artigo os alimentos e hábitos para dormir melhor. Você também vai ver como o sono está relacionado com o nosso corpo.

6 bons alimentos para ter bons sonhos

Antes de iniciar a lista, lembre-se de dois fatos bem importantes: o ideal é que a última refeição seja leve e consumida até 2h antes de dormir. Assim, o processo de digestão ajuda a descansar mais rápido. Dito isso, veja o que pode estar no seu jantar ou ceia:

• Frango

A carne de frango é rica em vitamina B6, que estimula a produção de serotonina no organismo. A serotonina, por sua vez, é um dos hormônios que ajudam o corpo a relaxar e pegar no sono. O ideal é consumir o frango grelhado, assado ou cozido. Assim, a digestão é mais rápida.

Leia também: Relatos de insônia aumentaram durante a pandemia em todo o mundo

• Vegetais verde-escuros

O seu prato pode ficar mais colorido ao incluir vegetais verde-escuros, que também ajudam a dormir melhor. Isso porque são fontes de vitamina B, cálcio e magnésio, que estimulam o  relaxamento do corpo e promovem um sono tranquilo.

• Ovo

O queridinho ovo também é um aliado das noites bem dormidas, uma vez que é uma rica fonte de triptofano, aminoácido com diversos benefícios, inclusive para combater a insônia.

• Banana

Caso queira optar por uma fruta antes de dormir, a banana é uma ótima pedida. Assim como o ovo, ela contém triptofano, além de potássio, magnésio e vitamina B6. Ou seja, muitos estimuladores relaxantes que ajudam a dormir bem.

• Uva

A uva também é uma boa fruta para consumir à noite, seja do cacho ou de seus derivados, como um suco integral refrescante. Com alto nível de melatonina vegetal, auxilia na qualidade do sono, promovendo relaxamento.

• Aveia

E quando der vontade de comer um docinho à noite, que tal um mingau de aveia? O cereal é muito rico em triptofano e melatonina. Então, quando consumido antes de dormir, também ajuda a ter uma bela noite de descanso.

Como dissemos antes, assim como alguns alimentos, bons hábitos noturnos também ajudam a dormir melhor. Vamos ver agora, como se preparar antes de ir para a cama.

5 hábitos noturnos que melhoram o sono

Além de usar um pijama e roupa de cama confortáveis, algumas práticas ajudam a pegar no sono mais rápido e ter uma noite tranquila e revigorante.

• Liste suas tarefas do dia seguinte

Visualizar os afazeres (profissionais, domésticos e pessoais) do dia seguinte, é uma ótima maneira de se sentir mais tranquilo, tendo tudo sob controle. Por isso, faça uma lista de tarefas. Dessa forma, quando se deitar, o seu cérebro não vai ficar pensando no que precisa fazer amanhã e te enchendo de ideias, fazendo com que você perca o sono.

Leia também: Gerenciar o tempo corretamente pode reduzir a ansiedade

• Determine um horário

Outro hábito noturno saudável é respeitar o seu horário de dormir. O ideal é que a gente descanse por cerca de 8h. Sendo assim, com base na hora em que você precisa se levantar, vá para cama com tempo para descansar o suficiente. Além disso, manter a hora de dormir todos os dias ajuda o próprio corpo a se auto-organizar.

• Desconecte-se

Deixe de lado a TV, o celular e qualquer outro tipo de aparelho estimulante. Eles animam o cérebro e comprometem o sono. Portanto, vá se desconectando algum tempo antes de se deitar. Caso o seu despertador seja o do celular, vale deixar o aparelho longe da cama. Isso ajuda até mesmo a se levantar sem o famoso “mais cinco minutinhos” no dia seguinte.

• Leia um livro

Uma boa leitura também pode ser um ótimo hábito antes de dormir. Mas lembre-se de escolher histórias leves e de fácil entendimento, que te guie por uma boa aventura e para bons sonhos.

• Tome um chá

Tão conhecidos como calmantes naturais, os chás ajudam a relaxar e conduzem ao sono profundo. Contudo, evite os sabores com cafeína e opte sempre pelos que contenham propriedades sedativas como camomila, cidreira, erva-doce ou lavanda, por exemplo. Lembre-se também de tomá-lo morno, pois quando muito quente pode elevar a temperatura do corpo e assim comprometer o sono.

Agora que você já tem bastante informação para melhorar a qualidade do seu sono, vamos entender por que dormir ajuda a emagrecer? Enquanto estamos dormindo, o nosso organismo continua trabalhando, ainda que em um ritmo mais lento. Com isso, ocorre:

• Diminuição dos níveis de grelina: hormônio estimulante do apetite
• Aumento dos níveis de leptina: hormônio que promove a saciedade
• Aumento dos níveis de GH: hormônio do crescimento que estimula a redução de gordura corporal, a manutenção da quantidade de massa magra e a renovação das células
• Estímulo na produção de melatonina: hormônio que auxilia a dormir melhor e neutraliza radicais livres, além de combater gordura acumulada
• Diminuição do estresse: a adrenalina e o cortisol, hormônios estressantes, impedem a queima de gordura e formação de massa magra
• Aumento da disposição: assim, no dia seguinte você tem mais energia para gastar calorias com exercícios físicos.

Gostou dessas dicas de como dormir melhor? E de saber como o sono ajuda a emagrecer? Então, conheça também o nosso Projeto Na Medida que ajuda a perder peso com qualidade através de novos hábitos, alimentação e atividades físicas.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Unimed Cascavel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *