Nesta Conversa Ampla, o presidente da Comissão de Enfrentamento e Prevenção da Covid-19 fala sobre as principais sequelas e sintomas da doença. Confira!

Com o objetivo de fomentar a discussão de temas pertinentes ao momento em que vivemos, o Conversa Ampla traz semanalmente um bate-papo on-line com especialistas de diferentes áreas – desde pautas que abordam o bem-estar até análises sobre doenças específicas. As entrevistas com profissionais qualificados visam apresentar novos pontos sobre assuntos relacionados – direta ou indiretamente – à saúde.

Leia também: Queda de cabelo gerada pela Covid-19 tem tratamento

Afinal, quais os sintomas e sequelas mais frequentes da Covid-19?

Quase três anos depois do primeiro caso no mundo, a Covid 19 ainda tem muito mais dúvidas do que respostas. Nesta Conversa Ampla, o presidente da Comissão de Enfrentamento e Prevenção da Covid-19, Emanuel Maltempi de Souza faz um retrato da pandemia hoje no Brasil. Ele cita os sintomas mais comuns da doença, a confusão que ainda é feita com quadros gripais e pontua as sequelas mais comuns em quem já adoeceu. A principal delas é dificuldade na respiração. Depois tem ainda problemas relacionados à pressão sanguínea e até problemas neurológicos. 

Leia mais: Estudo revela que Covid-19 pode causar comprometimento cognitivo

Confira a entrevista completa:

Sequelas da Covid-19

Conforme Emanuel Maltempi de Souza, a sequela mais comum da Covid-19 é a sensação de falta de ar, que pode permanecer por algumas semanas após o período ativo da doença. Porém, também há registros de perda de memória, dificuldade para desempenhar funções que antes eram fáceis, até questões mais graves, como descompensação da pressão sanguínea.

Confira os outros vídeos publicados no Conversa Ampla: